O Amor - 21/11/08

Imprimir

Meus filhos, muitas vezes vos encontro cansados dos sofrimento que vos atribulam a alma e até um pouco descrentes, com relação às colheitas da vida.

Mas não credes em Deus e na Sua Misericórdia?
Já não sabeis que nasceis e renasceis múltiplas vezes, em aprendizado de amor e em evolução?
Já não tendes a certeza de que o vosso mundo é de Provas e de Expiações?
E como carregais culpas do passado é preciso, nesta oportunidade, redimir-vos perante a Lei Imutável de Deus.
Pois eu vos digo que, nesta vida material, o maior de todos os aprendizados ainda é o do amor.
O amor é a fonte criadora de toda a felicidade para as vossas almas, pois através da sua vivência, jamais contrariareis qualquer dos Princípios do Pai Celeste.
O amor faz com que as criaturas se sintam atraídas para o vosso coração e banhadas pelo vosso afeto, elas haverão de tornar-se amigas. Transformareis inimigos em almas irmãs da vossa.
Portanto, diante do vosso sofrer,aprendei a ter resignação.A dor é, sempre, uma bênção que Deus envia aos que já têm coragem moral para suportá-la, carregando, com dignidade, os fardos às suas costas.
Aprendei a vencer as dificuldades com alegria e com a energia da perseverança no Bem.
Agradecei os momentos difíceis, que nada mais são do que as grandes lições, que ainda não aprendestes e começai a aplicar a boa convivência, a resignação diante de situações adversas e lutai, perseverando sempre no bem, numa vivência repleta de amor.

Batuíra
Mensagem psicografada, recebida em 21/11/08,
na Fraternidade Espírita Cristã Batuíra

Newsletter







Destaques Batuíra